banner certificação profissional CNseg

Em entrevista, a diretora executiva da CNseg,  Solange Beatriz Palheiro Mendes, avalia a importância do programa de certificação da instituição e destaca sua contribuição para nivelar o mercado brasileiro aos mais maduros do mundo. Leia a íntegra da entrevista abaixo.

Qual o principal propósito da Certificação Profissional CNseg?

Trata-se de um instrumento de qualificação dos profissionais do mercado, um requisito para o desenvolvimento de qualquer setor, porque o programa de certificação não só forma ou qualifica os profissionais, mas também acelera sua formação e seu conhecimento. A ideia é fazer com que o profissional de seguros conheça o setor de forma holística, como os marcos regulatórios, os princípios e aspectos técnicos, as empresas, suas políticas e regras de governança.

Por que a CNseg decidiu ser a certificadora do programa para o mercado?

No nosso caso, porque temos o compromisso institucional e estamos empenhados em formar capital humano à altura de atender às demandas crescentes e cada vez mais complexas da sociedade.

Fale sobre o exame.

Neste momento, embora haja estágios mais avançados, só estará disponível a certificação de nível pleno, a chamada CPC 1, aquela que visa aferir o conhecimento holístico, abrangente, dos candidatos. Já os programas mais aprofundados das disciplinas e específicos serão objeto de outros níveis, os quais ainda estamos desenvolvendo para o futuro com a participação da Escola Nacional de Seguros. Sobre o exame, ele terá 50 questões de múltipla escolha e o candidato deverá alcançar 70 pontos no total das cinco disciplinas, exigindo-se o mínimo de 60% de acertos em cada uma. A nota global corresponderá à soma dos pontos obtidos em cada disciplina, já multiplicadas pelos pesos respectivos. Após a avaliação, os aprovados estarão aptos a iniciarem o CPC1 (Nível Pleno).

E para o profissional, quais os benefícios?

Primeiro, o desenvolvimento pessoal. Segundo, o reconhecimento não só interno, ou seja, não só da empresa ao qual a pessoa está vinculada, mas também externo, já que este profissional certificado tem um nível de qualificação efetivamente adequado em seguros.

Por que a certificação é tão importante para o mercado?

Além de efetivamente agregar valor à formação profissional, esta iniciativa nivela o Brasil aos mercados maduros de seguros, como EUA e Inglaterra, que já possuem certificações desse tipo, e aos países da mesma estatura nossa, como a Índia.

Quem pode participar da seleção?

Não só os profissionais do setor, mas também pessoas que tenham alguma afinidade ou interesse por seguros, como gerentes de riscos das empresas que contratam seguros, são candidatos naturais. No caso dos profissionais do mercado segurador, vale lembrar que a certificação, para os novatos, representa um salto do conhecimento, ao passo que para os profissionais mais experientes significa a oportunidade de sistematizar as informações que já apreenderam na prática.

Fonte: CNSeg